*

Obesidade e sedentarismo são as principais causas da lombalgia - Bolsa de Mulher

Obesidade e sedentarismo são as principais causas da lombalgia

Perder peso e fazer atividade física é fundamental para evitar o problema
por Redação

Um problema que antes era muito comum em idosos está atingindo cada vez mais pessoas jovens. É a lombalgia, que se caracteriza pela dor na região lombar. Segundo o ortopedista Marcio Taubman, do Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo (Creb), no Rio de Janeiro, o sedentarismo e a obesidade são os principais motivos que fazem com que seja cada vez maior o número de jovens que procuram o consultório médico com lombalgia.

Leia também:

Veja mitos e verdades sobre dor nas costas

Exercícios feitos em casa podem aliviar a dor nas costas

Salto alto e estresse são alguns dos maiores vilões da coluna

Segundo ele, as causas da lombalgia podem ser de origem degenerativa, inflamatória, infecciosa, gestacional, congênita ou mecânico postural. “A lombalgia pode provocar dores fortes e constantes. O importante é ao menos sinal de dor procurar um especialista. A lombalgia tem tratamento e os resultados podem ser excelentes", afirma. Ele explica que idosos sentem naturalmente dores nas costas e isso é um processo degenerativo natural da vida, mas, no caso dos jovens, há outras causas. "A sobrecarga na coluna vertebral e seu desalinhamento, em função de  postura, podem provocar a lombalgia. Mas sedentarismo e obesidade são fatores primordiais. Recebemos, no consultório, muitos jovens que passam o dia inteiro diante de um computador ou um videogame. Não se exercitam e têm vícios de postura”, explica.

Por isso, além de buscar a ajuda médica, é fundamental praticar exercícios e cuidar da postura. Caso contrário, é possível que venha a ter problemas maiores como artroses, cardiopatias e hérnias de disco. "Alterações na coluna vertebral, como as hiperlordoses - mais comuns nas mulheres - e a hipercifose torácica - frequente tanto no sexo masculino como feminino - são muito constantes. Quem sente dores regulares precisa primeiro conversar com o médico, para ser bem orientado”, finaliza.

Antes de começar a praticar uma atividade física, faça o teste e descubra a que mais combina com você:

Que atividade física mais combina com você?

De nada adiantam os cuidados e “recuidados” com a pele e os cabelos se o corpo anda dando sinais de que precisa de atenção especial. Mais do que manter a boa forma, a atividade física é importante para a saúde como um todo: recarrega as energias, eleva a autoestima, melhora o humor e o funcionamento do organismo e suas funções vitais. Depois de tantos benefícios, resta apenas encontrar o exercício que mais combina com sua personalidade. Responda ao teste e comece já a se exercitar.

Categoria:

Matérias Recomendadas

Facebook Comments