Dor nos seios: o que pode ser?

Entenda quais podem ser as causas das mamas doloridas

por Redação

Sentir dores nos seios é comum em alguns períodos da vida da mulher, mas também pode indicar algumas doenças. Por isso, é preciso ter cuidado e ficar atenta. Para ajudar a identificar o problema, a ginecologista e obstetra Dra. Denise Gomes explica o assunto.

Leia também
Alimentos que provocam dores de cabeça
Menstruar tomando pílula: entenda o ‘escape’
Câncer de mama pode não ser percebido com o toque

Período menstrual

A dor mais comum está ligada ao período menstrual. “É normal a dor aparecer nos primeiros três dias antes da menstruação. A mastalgia, como é chamada a dor mamária, em geral está relacionada à ação hormonal sobre as estruturas mamárias”, explica a médica.

Segundo a especialista, essa dor é, normalmente, bilateral, nos quadrantes mais externos dos seios. Ela costuma desaparecer assim que a menstruação cessa. Em caso de o desconforto permanecer, é preciso consultar um ginecologista para realizar exames que possam indicar a causa da dor.

Causas das dores nos seios

Há também outras possíveis causas para sentir essa dor nas mamas. Quando está associada ao ciclo menstrual, é chamada de cíclica. Contudo, pode ser não-cíclica, o que indica que pode ser por problemas musculares, articulares, ocasionadas pela má circulação ou nervos. “Pode também estar ligada a patologias mamárias como a ectasia ductal, a adenose esclerosante e a necrose gordurosa”. Nesses casos, ela pode ser contínua ou ocasional.

A dor da mastalgia também é comum em mulheres na faixa dos 30 aos 50 anos, antes da menopausa, caracterizada pela entumecência mamária durante a menstruação. O uso de anticoncepcionais orais e de terapia de reposição hormonal também pode está associada à dor.

“Muitas mulheres com mastalgia ficam preocupadas e com o medo da dor simbolizar um câncer de mama. É importante alertar que a dor mamária não é uma doença e não está associada aos casos de câncer de mama”, ressalta a ginecologista.

Tratamento

O primeiro passo é realizar exames para afastar a possibilidade de uma patologia. Dependendo da gravidade da dor, o médico pode indicar alguns remédios para diminuir o sintoma. “O uso de vitamina E ou anti-inflamatórios não hormonais é a opção terapêutica mais comum. O tamoxifeno vem sendo uma alternativa para driblar as dores intensas nos seios. É recomendado utilizar o remédio por um período curto de três a seis meses”, aconselha Dra. Denise.

Como aliviar as dores

  • Use o sutiã ideal para o seu corpo. Opte pelos modelos que possam dar maior sustentação ao seio e use quando a sua mama estiver dolorida.
  • Consuma alimentos que estimulem a eliminação de líquidos, como morango, melancia, alcachofra, aspargo, agrião e salsa.
  • Diminua a consumo de sal e de alimentos em conserva no período pré-menstrual, porque eles causam retenção de líquidos.
  • Reduza o consumo de cafeína (café, chá preto e mate), de doces e de alimentos enlatados.
  • Tome um analgésico se a dor estiver insuportável. Se ela persistir por um longo período, procure um médico.
  • Não deixe de praticar atividades físicas
Temas: ,
×
Faça do Bolsa de Mulher
sua página incial
E também acompanhe: Newsletter