Os benefícios do chá de cavalinha

por Gislaine Rabelo
Os-benefícios-do-chá-de-cavalinha1

Os benefícios do chá de cavalinha são variados, indo do tratamento de hemorróidas, à queda de cabelo.

Esta erva é usada com grandes resultados para a cura de quase todos os tipos de hemorragia que ocorrem no corpo humano.

Também trata a tuberculose e problemas renais. Quando se esmaga a erva, aplicando de maneira tópica, cura feridas, doenças da pele, queimaduras e frieiras.

O chá é poderoso contra problemas na bexiga, seja infecção ou incontinência urinária.

Trata-se de uma erva muito rica em sílica, portanto, o chá contribui para a reparação dos tecidos, crescimento dos cabelos e das unhas, e auxilia na prevenção da osteoporose.

Espere que a erva seque sob o sol, queime-a, e misture as cinzas num copo de água. Beber este preparo cura o excesso de acidez no estômago e a disepsia.

Por conta da presença de certas enzimas em sua composição, a cavalinha é muito eficaz para eliminar germes e parasitas do organismo. Reduz o inchaço nos olhos, e reforça o sistema imunitário.

A infusão de cavalinha é um dos remédios naturais que apresenta melhor resultado na eliminação de piolhos e ácaros dos cabelos. Basta fazer o enxague dos cabelos com a infusão três vezes por semana para eliminar o problema.

Seu óleo (clique aqui para aprender a fazer óleos essenciais caseiros), pode ser usado como fungicida, que elimina o mofo e a ferrugem no móveis, ou partes da casa e da roupa.

O consumo regular reforça o organismo contra o reumatismo, a artrite e dores nas articulações, inflamações na próstata, uretra ou da bexiga, e faz com a cicatrização dos tecido ocorra de maneira muito rápida.

Também é conhecida por apresentar restabelecimento veloz em casos de fratura nos ossos, luxações e distensões.

Restabelece danos no pulmão, diabetes e insuficiência cardíaca. É tido como remédio natural contra o câncer. Beber 3 xícaras deste chá por dia elimina pedras nos rins.

O seu poder diurético torna a cavalinha como excelente emagrecedor. Entretanto, é recomendado não utilizá-la em conjunto com outros diuréticos, ou com remédios para emagracer. A interação pode ser danosa para o organismo.

O cuidado com a cavalinha também deve ser especial por parte dos fumantes. Esta erva contém nicotina, e bebê-la em grandes quantidades por resultar em overdose dessa substância, gerando suor nas mãos e nos pés, e taquicardia.

Quando se bebe o chá de cavalinha, deve-se aumentar o consumo de água. E há que saber também que esta planta é altamente concentrada em potássio, o que pode gerar alguns efeitos colaterais.

Portanto, o mais aconselhável é consultar um especialista antes de optar pelo seu uso. 

Matérias Recomendadas

Facebook Comments