Espasmo hipnico: você pula durante o sono?

por Gislaine Rabelo

Espasmo hipnico: você pula durante o sono? Quem costuma acordar com um sobressalto, ou pulando, pode estar sofrendo com este tipo de espasmo. Ainda que não seja considerada uma doença, é uma desordem no Sistema Nervoso. Ocorre quando se está pronto para dormir, já entrando no estágio REM, ou começando a ingressar no sono mais profundo. Neste momento, há uma sensação nítida de que se está caindo, ou perdendo o equilíbrio, o que nos leva a acordar assustados. Há pessoas que descrevem como “queda real”, ou um “choque elétrico” percorrendo o corpo.

A origem exata ainda intriga a comunidade médica. Até então, esse tipo de espasmo é relacionado com noites mal dormidas, insônia, com a fadiga, desconforto físico, ou ansiedade, entre outras causas do gênero. A explicação científica encontrada é que trata-se de uma confusão do cérebro. O corpo entra em relaxamento profundo, mas a mente continua ativa. Nesse momento o cérebro emite um alerta para o corpo reagir. É daí que surge a sensação de queda, ocasionando um susto que muitas vezes é acompanhado de batimentos cardíacos acelerados.

Espasmo-hipnico-você-pula-durante-o-sono3.jpg

A ocorrência é agravada e mais frequente quando há deficiência de determinados nutrientes no organismo. Em específico de magnésio, ferro e cálcio. A recomendação médica para aqueles que já têm essa situação como incômodo é corrigir a dieta alimentar, passando a ter uma alimentação mais equilibrada com estes nutrientes. As melhores fontes são a cebola, pimentão, tomate, maçãs e bananas.

Exercícios de alto impacto pouco antes de dormir podem piorar os espamos hipnicos. Assim como doses exageradas de álcool e o consumo de tabaco.

E a maneira mais eficaz para diminuir, ou eliminar essa condição, é equilibrar corpo e mente antes do sono. Ouvir uma música relaxante, ou praticar pelo menos 10 minutos de meditação é o mais aconselhável. Quanto maior o estado de relaxamento antes de entrar no mundo dos sonhos, menor a probabilidade de acordar aos pulos.

Matérias Recomendadas

Facebook Comments