Muay Thai emagrece até mil calorias por aula

Luta é a preferida das mulheres nas academias
por Ana Flora Toledo

A maioria das mulheres sabe o poder das lutas para reduzir medidas e modelar o corpo. Por isso, o movimento feminino vem crescendo nos ringues e tatames das academias. O leque de possibilidades conta com boxe, jiu-jitsu, submission e MMA. Mas uma modalidade em especial tem atraído as meninas: o Muay Thai.

Leia também:

Muay Thai é segredo do corpão da atriz global Larissa Dias

Luta conquista mulheres e mostra que não é esporte de homem

Cada aula de MMA queima até 1000 calorias

A preferência se explica. A luta de origem tailandesa é uma ótima opção para manter a forma e fortalece, principalmente, os braços, ombros e costas, além de permitir queimar até mil calorias em uma aula com duração entre uma hora e uma hora e meia.

"Um exercício aeróbico qualquer, como esteira, por exemplo, poderia dar o mesmo gasto de calorias, dependendo do tempo que você fizer. A grande diferença é que a monotonia desses equipamentos não existe quando você pratica uma luta. A mulher extravasa muito mais as energias”, explica o professor Gian Gaeta.

>> Repórter testou e comprovou: Muay Thai emagrece mesmo; assista

Quem passou por isso e comprova a eficácia é a radialista Alessandra Ferreira. “Aliada à malhação, corri e fiz spinning durante um tempo, mas não gostei muito. Na verdade, a prática esportiva para fazer efeito, tem que ser aquela que você curta, porque vai rolar empenho e dedicação. Eu adoro lutar, então fez toda a diferença”, conta.Ela pratica Muay Thai há mais de 10 anos e mantém o blog Muay Thai Mulher, onde dá dicas às meninas que pretendem começar a lutar. “Senti muitas diferenças no meu corpo. As pernas e braços ficam mais torneados e você se sente muito mais disposta algumas horas depois das aulas. As celulites também apareceram em menor número. Para quem retém líquido é uma boa, eu me sentia menos inchada”.

>> Carolinie Figueiredo perde 30 quilos com muay thai e caminhadas

Conheça as modalidades e escolha a sua:

Muay Thai – A queridinha das meninas é originalmente utilizada para defesa pessoal. Os praticantes usavam cordas enroladas nas mãos e, com o tempo, foram substituídas por luvas. Esta arte marcial usa um combinado de punhos, cotovelos, joelhos, canelas e pés.

Boxe – Também muito procurado por muitas mulheres, o boxe permite a perda de até 800 calorias em uma aula com tempo que varia entre uma hora e uma hora e meia. O esporte de combate utiliza os punhos, com técnicas de ataque e defesa, e dá condicionamento físico e rapidez, além de aliviar o estresse. Indicado para quem quer aumentar a capacidade cardiorrespiratória, a força, aprimorar a coordenação motora, o equilíbrio e tonificar a musculatura dos membros superiores e inferiores.

Jiu-jitsu – A luta busca através de técnicas de estrangulamentos e chaves de braço a submissão do adversário. É mais uma boa alternativa para manter o corpo saudável e em forma. Ajuda a ter disciplina e aumenta a autoestima enquanto tonifica a musculatura do corpo todo. Por manter muito contato corporal, é necessário manter as unhas curtas e a higiene em geral. O gasto de calorias também pode chegar a mil por aula.

MMA - É um mix de artes marcais e, ao contrário do que muitos imaginam, não vale tudo. As regras não permitem enfiar dedo no olho, chutar as partes baixas, puxar cabelo e segurar calção, entre outros movimentos. As meninas que não quiserem competir podem fazer o treinamento apenas da parte técnica. A luta pode ser em pé ou no chão e o praticante precisa de protetores para diversas partes do corpo. Gasto médio de 1mil calorias por aula de uma hora e meia.

Submission – Assim como o jiu-jitsu, busca através de quedas, estrangulamentos e chaves a submissão e finalização do adversário. A maior diferença entre as duas modalidades é que a prática do submission não exige o uso do Kimono, tornando a luta mais dinâmica e movimentada. Também pode chegar a perder 1mil calorias por aula com duração de uma hora e meia.

Body combat – A modalidade não tem contato corporal e conta com movimentos coreografados baseados em golpes de boxe, kickboxing, karatêcapoeira e jiu-jitsu, embalados por músicas com batida forte e contagiante. A diversão é garantida e a luta é indicada para quem quer reduzir o percentual de gordura no corpo. Define membros superiores e inferiores, principalmente ombros e braços, e dá força e agilidade às pernas. Chega a derreter até 700 calorias em uma hora de aula.

Assista também: Boxe aquático, um banho de água fria na preguiça e nas gordurinhas!

 

Leia também:

Massagens aquecidas para o inverno

Saiba como fazer um SPA em casa

Matérias Recomendadas

Facebook Comments