Mitos e verdades sobre alimentação

Beber água durante as refeições faz realmente mal? Gelatina ajuda a prevenir celulite? Descubra!
por admin

Algumas crenças sobre alimentação são repassadas como verdade absoluta por muita gente sem que haja uma “investigação mais profunda”, ou seja, um parecer profissional. Mas será que tudo o que dizem por aí é realmente verdade?

A recomendação de beber dois litros de água por dia para manter-se hidratado, por exemplo, é uma grande balela, como explica a nutricionista Paola Zancani da clínica La Liq. “O cálculo de ingestão de água é individual. A quantidade diária é de 35ml por quilo de peso”, explica. Então, se você pesa 60 kg o ideal é que tome em média, sete copos de 300 ml diariamente!

Já aquela velha história de cortar o carboidrato depois das 18h é tanto verdade quanto mentira. Segundo Paula, apenas a turma dos sedentários é que precisa cortar o carboidrato à noite, de preferência cerca de cinco horas antes de dormir. Enquanto que os praticantes de atividades físicas precisam ingerir alimentos com a substância para suprir a perda de energia.

Além destas, existem muitas outras recomendações e meias verdades. Preparamos uma galeria com as mais populares com as dicas da nutricionista sobre o que vale a pena seguir e o que é melhor deixar para lá!

LEIA TAMBÉM:

Retenção de líquidos - Dicas para amenizar o desconforto no verão


Novidades para manter a forma - Modalidades para perder muitas calorias se divertindo

Existe diferença entre sal light e marinho? Sim Segundo a nutricionista, o sal marinho é o sal sem refinamento, ou seja, integral. O uso excessivo pode agravar determinadas doenças, como a hipertensão arterial. Nesses casos, ela sugere o uso do cloreto de potássio em vez de cloreto de sódio. E o cloreto de potássio nada mais é do que o sal light, que contém 50% de cloreto de potássio e 50% de cloreto de sódio. Ele tem sabor salgado mais acentuado e deve ser utilizado por recomendação de um nutricionista ou médico.Tomar sopa todos os dias durante uma semana ajuda na dieta? Depende. Paula explica que também não há nada comprovado em relação à dieta, pois existem diferentes sopas, com baixas calorias ou altamente calóricas. O que pode ajudar, na verdade é a mastigação. “É fundamental estimular o centro de saciedade no cérebro mastigando, assim o indivíduo fica satisfeito por mais tempo.Gelatina diminui a celulite? Não. Segundo Paula a gelatina possui colágeno exógeno já o colágeno da nossa pele é o endógeno. Por isso, a ingestão de gelatina nada contribui na diminuição da celulite, mas existem outros tratamentos que estimulam a produção de colágeno.

Tags:

Matérias Recomendadas

Facebook Comments