Maquiagem de festa > Maquiagem de festa

Aprenda a ousar na maquiagem em eventos diurnos e noturno. E arrase!

por Redação

Você olha para aquela atriz linda na TV e deseja ter aquele rosto. Nos tapetes vermelhos, a maquiagem é um espetáculo à parte. Saiba que fazer uma make como a das estrelas não é tão difícil quanto parece. Basta ter os produtos certos e um pouquinho de treino. Nós damos dicas úteis para sair do lugar-comum e brilhar como nunca em festas diurnas e noturnas.

Primeiro passo

Uma maquiagem arrasadora começa com uma pele perfeita. O primeiro passo é escolher uma boa base e um corretivo de qualidade. Peles oleosas devem receber um produto matificador antes de qualquer coisa, para que a aparência fique sequinha por mais tempo. A ordem de aplicação é: base no rosto todo, corretivo nas olheiras (inclusive nas pálpebras) e marcas. Para arrematar, pó compacto leve.

Confira aqui produtos recomendados por especialistas

Escolha os dermocosméticos, que dão um resultado duradouro e discreto, além de protegerem a pele. Com água termal na composição, a base compacta Toleriane (R$ 119), da La Roche-Posay, por exemplo, é livre de óleo e resistente à água. O Dermablend, corretivo da Vichy, oferece cobertura e esconde problemas dermatológicos chatos, como as rosáceas. Está disponível em quatro cores, ao preço de R$ 81,40.

Maquiagem para cada ocasião

Feito o básico, é hora de partir para o glamour. André Pio, do Walter's Coiffeur, revela: festas diurnas estão pedindo cores claras, olhos apagados e boca chamativa, pintada com tons fortes. "Use vermelho, rosa e vinho. Nos olhos, pouco lápis preto, rímel incolor, bochechas suavemente coradas", descreve. Para a noite, olhos bem marcados e lábios mais pálidos. Vale rímel preto (com traço fino em cima dos olhos), degradês e pouco brilho. Para não errar, regrinha básica: boca forte, olho fraco e olho fraco, boca forte.

É quase unanimidade entre os maquiadores que não se deve combinar a cor da roupa com a da maquiagem

A beauty artist Penélope Beolchi alerta para uma questão importante: a maquiagem deve respeitar, além do tom de olhos, pele e cabelos, a personalidade e a roupa de quem está usando. "Se a mulher é roqueira e vai para uma festa de punk rock, pouco importa o horário para a sua maquiagem. O que vale é que o conjunto deve ser harmonioso com o estilo e a aparência", coloca.

Jogo de cores

É quase unanimidade entre os maquiadores que não se deve combinar a cor da roupa com a da maquiagem. Evani Cavanha, do Gilberto Cabeleireiros, de São Paulo, recomenda: "Se as roupas forem nos tons azulados, por exemplo, não é bom aplicar vermelho ou marrom no rosto. Se forem vermelhas ou marrons, evite maquiagem em tons de rosa", explica.

Para Penélope Beolchi, outra maneira legal de combinar vestuário e make é usar um "tom sobre tom", ou seja, vários matizes de uma mesma cor. Por exemplo, bege com marrom médio e marrom café. Ou cores próximas na harmonia cromática, como amarelo, laranja e vermelho alaranjado. "Gosto de ensinar as mulheres a "roubarem" suas próprias cores, prestando atenção nos matizes dos cabelos, nas cores da íris e tonalidade das pintas, por exemplo. Geralmente as cores que fazem parte da sua natureza lhe caem bem", justifica a beauty artist, afirmando que as cores produzem harmonia automaticamente.

×
Faça do Bolsa de Mulher
sua página incial
E também acompanhe: Newsletter