Guia das pernas bonitas

Verão é tempo de deixá-las à mostra. Então, cuide bem delas desde já!
por admin

Entre vestidinhos, shortinhos e sainhas, elas reinam absolutas. Depois de amargarem um inverno escondidas debaixo de calças compridas, moletons e meias quentinhas, as pernas recuperam o fôlego e sobem novamente ao pódio assim que a temperatura esquenta. Por isso, com a chegada do verão, alguns cuidados especiais se tornam mais do que necessários. Acelere, então, o passo, porque preparamos um superguia que vai deixar suas pernas muito mais do que torneadas! Afinal, elas são alvo certo dos olhares masculinos na estação que se aproxima.

Inimiga número um

Um dos maiores inimigos das mulheres, e principalmente das pernas, são aqueles temidos ‘furinhos' que deixam a pele com a aparência de uma casca de laranja. "A região dos quadris, pernas e bumbum tem um agravante: um receptor, de nome ‘alfa-2', que impede que a gordura do local seja eliminada", explica a médica Carolina Castro. Esse vilão faz com que seja muito difícil emagrecer e eliminar as gorduras localizadas do local.

Quem trabalha muito tempo em pé também deve ter cuidado redobrado. O mesmo acontece com quem passa muito tempo sentada. Ambas correm o risco de ter varizes, flebite ou trombose. O uso de salto muito alto por longos períodos de tempo também é desaconselhável, porque dificulta o retorno do sangue venoso na parte inferior da perna

Quando se trata de cremes anticelulite, a eficácia da fórmula está condicionada ao uso correto do produto e também à mudança de hábitos. Exercícios físicos devem ser incorporados à rotina e a alimentação, é claro, deve ser equilibrada. "O Cellutec, aparelho para celulite, é bem indicado para pernas que precisam de cuidados especiais, pois ele tem como objetivo drenar o líquido retido no corpo e ajuda, ainda, no combate à flacidez. É ótimo para deixar as pernas em forma e mais firmes", afirma a médica ortomolecular Heloisa Rocha.

Outra opção para combater essa vilã é a carboxiterapia. "É excelente para a parte interna da coxa, além de ser extremamente eficiente para o abdômen", garante Heloísa. O tratamento consiste em aplicações, no tecido subcutâneo, de pequenas quantidades de dióxido de carbono (CO2) através de injeções com agulhas fininhas, administradas por um aparelho. A carboxiterapia age diretamente nos tecidos e não apresenta toxicidade, pois o CO2 é um gás inodoro, que não provoca alergias. São recomendadas, em média, 10 aplicações. É, para ficar bonita, tem que sofrer um pouquinho, não tem jeito!

Quando o assunto é o combate à celulite, à flacidez e à gordura localizada das pernas, há outra dica, que vem dos dermatologistas. "Indicamos o aparelho Accent Laser, radiofreqüência que produz uma grande quantidade de calor na área tratada, ou seja, nas pernas, a uma temperatura de 40ºC, fazendo com que a produção de colágeno, substância que dá firmeza e sustentação à pele, seja acelerada", explica a dermatologista Vanessa Lopes, da clínica Vitée, no Rio. Segundo a médica, as ondas de calor se propagam até a hipoderme, onde se encontram as células adiposas, melhorando, assim, a circulação sangüínea e a oxigenação da região. Ao mesmo tempo, ocorre a eliminação de gordura, que ajuda a perder medidas e a melhorar a aparência das pernas.

Cada sessão dura, em média, 40 a 50 minutos e são indicadas entre seis a dez aplicações, que devem ser realizadas no intervalo de uma semana, inicialmente. A partir da terceira sessão, de acordo com a dermatologista, a pessoa já sente uma grande diferença. "É lógico que consegue um resultado mais rápido quem colabora com o tratamento, optando por uma alimentação balanceada e praticando exercícios físicos", diz Vanessa.

Músculos e saúde à vista

Atualmente, as mulheres querem ficar não só com as pernas torneadas, como também com mais massa muscular, querem ganhar músculos nas coxas e panturrilhas. Além da estética, esse aumento de massa pode trazer benefícios para a saúde. Tal proeza requer, porém, disciplina e uma dieta adequada. De acordo com o livro Coma bem, viva bem - Guia de alimentação funcional para saúde, bem-estar e beleza (Editora Clio), escrito pela médica Heloisa Rocha, quando o objetivo é ficar com os músculos das pernas evidentes, o treino com pesos é considerado o estímulo mais eficiente. Mas nem todas as pessoas apresentam os mesmos resultados, já que algumas ganham massa muscular com mais facilidade, principalmente nos membros inferiores.

No entanto, não é preciso ir à academia para tornear as pernas. Simples hábitos podem gerar bons resultados, como, por exemplo, trocar o elevador pela escada. O personal trainer Fabio Santos, do Espírito Santo, elege a corrida e a bicicleta como duas das melhores atividades para as pernas e, o melhor, dispensam o uso de equipamento.

"O cuidado com a alimentação é muito importante", explica a ortomolecular Heloisa Rocha. Segundo ela, os alimentos certos que auxiliam no ganho de massa muscular são: proteína (carnes brancas e vermelhas, clara de ovos), carboidrato (arroz integral e frutas), legumes, sementes, cereais integrais, vegetais crucíferos (como brócolis e couve-flor), fibras (farelo de trigo, aveia e cereais) e frutos do mar (salmão, por exemplo, é uma das melhores fontes de ômega-3 e possui a gordura ‘boa', que promove a recuperação muscular).

Vasinhos e varizes

Além de definir a musculatura, os exercícios físicos também favorecem a circulação e previnem o aparecimento de microvarizes e varizes. Elas, de fato, são muito desagradáveis, isso ninguém questiona. Mas, entre os problemas ocasionados por elas, o estético é o menor. As veias dilatadas e tortuosas - avermelhadas ou azuis - causam inchaço, dores, queimação e nos deixam constantemente com a sensação de pernas cansadas. Entretanto, a boa notícia é que a medicina estética propõe soluções cada vez mais eficazes para o problema.

Uma delas é a criosescleroterapia, um procedimento que consiste em injetar, na veia, um líquido esclerosante a 40°C graus negativos, aproximadamente. A baixa temperatura alivia a sensação de dor, ao mesmo tempo que cauteriza tanto os vasos finos quanto as ramificações mais grossas. É o mesmo processo usado na cauterização de manchas na mão e no colo do útero. Ao contrário de algumas aplicações de laser, a criescleroterapia é indicada para todos os tons de pele.

No caso das microvarizes, aqueles pequenos vasinhos que, quando se rompem, deixam a pele com um tom esverdeado, o ideal é recorrer à escleroterapia. Essa técnica consiste em injetar medicamento específico nos vasos, que desaparecem dois ou três dias mais tarde. "O uso do anticoncepcional associado ao fumo é um veneno para quem sofre desse problema", alerta a médica Carolina Castro. "Quem trabalha muito tempo em pé também deve ter cuidado redobrado. O mesmo acontece com quem passa muito tempo sentada. Ambas correm o risco de ter varizes, flebite ou trombose. O uso de salto muito alto por longos períodos de tempo também é desaconselhável, porque dificulta o retorno do sangue venoso na parte inferior da perna", completa a médica.

O angiologista Telmo Jardim, da Clínica Più Bella, no Rio, também dá suas dicas para evitarmos os vasinhos indesejados, como fazer exercício físico regularmente, evitando, porém, o excesso de peso na musculação. O salto alto, segundo ele, deixa, sim, a perna mais torneada e bonita, mas também pode ser um inimigo no quesito dos vasos. Portanto, não exagere com o uso desse tipo de calçado. Procure modelos com saltos entre 2 e 3 cm de altura e com boa base, como o anabela. Outro fator, ainda, que prejudica a circulação e, conseqüentemente, pode causar varizes e até mesmo problemas mais sérios, como a trombose, é o uso de hormônios femininos, presentes em anticoncepcionais e na reposição hormonal.

Repousar, após um dia de atividades intensas, também é bom para quem quer evitar as varizes. "Você pode se deitar e colocar almofadas sob os pés, fazendo com que as pernas fiquem mais altas do que o coração. Isso ajuda o sangue a circular melhor", explica a médica Carolina Castro. E não se esqueça: se as varizes já começaram a se instalar, procure um especialista de sua confiança para tratar logo o problema.

Categoria:

Matérias Recomendadas

Facebook Comments