Ginástica facial

Mais que fazer biquinho, exercícios fortificam e rejuvenescem o rosto

por Redação

Repetir vogais várias vezes, fazer biquinho, mudar expressões. Sempre nos lembramos essa mitologia quando pensamos em ginástica facial. Parece besteira, bobagem! Mas especialistas garantem que as técnicas vão muito além e podem, por meio do fortalecimento dos músculos, garantir uma aparência mais saudável e jovem e até pele mais lisa. E tudo de maneira muito natural. Os exercícios são indicados para recuperar o tônus e prevenir o envelhecimento, para disfarçar os efeitos do emagrecimento – que muitas vezes gera aquela pele flácida – e para manter os resultados obtidos em cirurgias plásticas.

Ana Carolina Rocha é dermatologista e afirma que ginástica facial realmente funciona, retardando o envelhecimento e garantindo menos aspecto de cansaço ou fadiga. "A estimulação precisa ser diária ou freqüente. O paciente pode exercitar a musculatura facial após a higienização da pele, sem fazer muita força, com movimentos variados, um de cada vez. A posição da cabeça deve ser sempre ereta e natural, e os olhos devem sempre estar bem abertos", comenta. Ela ensina ainda que finalizar com um banho de água fria ou passando na pele um algodão embebido em tônico refrescante ou adstringente também auxilia a aumentar o tônus da pele.

Eu adoro esportes e sempre pratiquei. Com o tempo, comecei a perceber que estava com o corpo bonito, mas que o rosto estava ficando flácido

A terapeuta facial Bartira Bravo conta que a ginástica da face surgiu em sua vida como uma busca pessoal e virou profissão. "Eu adoro esportes e sempre pratiquei. Com o tempo, comecei a perceber que estava com o corpo bonito, mas que o rosto estava ficando flácido". Ela assegura que quanto mais cedo a pessoa começar a se exercitar, melhor. Isso porque os resultados são uma resposta da musculatura que, com o processo de envelhecimento, fica mais frágil. A idade ideal na opinião dela é de 25 anos. "Não há milagre. É claro que depois de um certo estágio de flacidez o crescimento e fortalecimento da musculatura pode melhorar o aspecto, mas a recuperação completa só poderá vir com cirurgia plástica". Os exercícios são indicados no pré-operatório, justamente para promover esse fortalecimento, e no pós-operatório, para garantir a manutenção dos resultados.

A dermatologista Ana Carolina Rocha lembra que realizar ginástica facial antes de um procedimento cirúrgico irá ajudar a oxigenar melhor a pele, mas que é preciso pelo menos três meses de prática diária para aumento real do tônus muscular. "Se a intenção é dar um resultado mais natural ao lifting facial cirúrgico, deve-se ter mantido uma rotina diária muito antes da operação, e mantê-la posteriormente", recomenda a médica. Bartira indica que atletas também façam esses exercícios. "Estive nas olimpíadas de Atlanta e fiquei impressionada como os atletas têm corpos firmes e aparentam ter mais idade do que realmente têm. As marcas do esforço ficam no rosto e a ginástica facial pode atuar nisso." A terapeuta facial diz que, por terem uma vida muito saudável e boa circulação sangüínea, os atletas e as pessoas que praticam atividades físicas têm resultados mais rápidos na ginástica facial. Com a boa circulação do sangue, as células sentirão a oxigenação e a nutrição que os exercícios promovem mais rapidamente.

Na opinião da terapeuta, o biotipo ajuda a definir quais exercícios são mais apropriados: os longilíneos – com constituição física mais alongada – têm massa muscular menos densa e por isso precisam trabalhar mais que os brevelíneos – que são aquelas pessoas com aparência mais forte. Por isso ela costuma ensinar a seus pacientes séries de exercícios específicas. No entanto, ela garante que algumas dicas servem para todos: "O principal é buscar qualidade de vida e ser feliz. Isso garante aparência jovem. Atividade física, boa alimentação e sono suficientes são fundamentais. Beleza é sempre conseqüência de boa saúde".

Na técnica aplicada por Bartira, são necessários cerca de vinte minutos de exercício diários e depois do primeiro mês você já sente o levantamento das linhas dos lábios, bochechas e olhos, um melhor contorno do rosto, uma fisionomia mais saudável. É importante que todos os movimentos sejam conscientes. Eles vão relaxar e segurar cada músculo do rosto. Em seu site, a especialista ensina alguns exercícios básicos: www.bartirabravo.com.br

A professora de educação física Maria Lúcia Rezende trabalha com ginástica facial há 35 anos e acredita que o rosto deve ser exercitado tanto quanto o corpo. "Fazendo ginástica facial você garante firmeza para os músculos, que vão sustentar a pele. Os cosméticos evoluíram muito para ajudar a cútis a parecer jovem, mas faz falta manter a musculatura no lugar". Ela diz que, se o cuidado com os músculos faciais só começar depois dos 40 anos, pode ser preciso uma hora de exercícios diários. "Não é ficar fazendo careta. Pensar isso faz parecer uma besteira. Os exercícios estimulam os músculos sozinhos ou em conjunto e o rosto fica vermelho e suado, é um exercício como qualquer outro".

Maria Lúcia diz que os resultados virão como em qualquer atividade física: "Depois que os exercícios estiverem sendo realizados com perfeição, em três meses, não só você percebe, mas as outras pessoas começam a reparar nas melhoras estéticas".

Uma dúvida recorrente quando falamos em ginástica facial é de que forçar os músculos ajuda a vincar ainda mais a pele. Ana Carolina Rocha garante que não é bem assim. "Forçar o músculo é diferente de uma ginástica facial isométrica, que é ritmada e conta com movimentos específicos, num momento de relaxamento". A dermatologista explica ainda que as rugas de expressão são fruto de um comportamento vicioso dos músculos, em que se força cronicamente uma expressão em caráter de tensão constante. "Fazer ginástica facial é um contato consigo mesma, algo que lhe gera prazer e bem-estar, ou simplesmente autocuidado", finaliza a médica.

Comentários

  1. disse:

    Sinceramente adoreiiii….Ainda mais eu quee vou estudar estetica ano que vem… MAis um aprendizado ne!!

  2. disse:

    Gostei muito dessa matéria. Estava mesmo procurando algo sobre ginástica facial, pois tinhas algumas dúvidas quanto a importância exercícios faciais. Mas agora abri minha mente. Valeu !!

×
Faça do Bolsa de Mulher
sua página incial
E também acompanhe: Newsletter